04 dezembro, 2008

… até que a morte os separe.

Março 12, 2008
Da primeira vez que a vi, se fez ainda mais bonita que em todos os meus sonhos. e insistiu, me envolveu… não resisti. e falei, a quem quisesse ouvir, que me casaria com ela.
casamo-nos 11 meses, 10 dias e 22 horas depois.
e foi entäo que finalmente, com um sorriso, ela se revelou pra mim… banguela. BANGUELINHA DA SILVA. podres… dos poucos que estavam lá… todos PODRES!
e vivemos assim, ela a querer se redimir, eu a querer me matar… 7 meses, 12 dias e 8 horas de uma união sem frutos e sem futuro.
Já contratei meu advogado… me divorcio de viena em 17 dias!

Nenhum comentário:

Postar um comentário