06 dezembro, 2008

o velho e o moço

Agosto 8, 2008
nos últimos dias, na comu do TDUD?, abriram um dos tópicos mais legais de todos os tempos: “Cartas de mim, ao meu eu passado”. A idéia é simples: o você de hoje escreve uma carta a um você de algum tempo atrás, dando um aviso, um conselho, fazendo uma previsäo… enfim. eu, que sou viciadinha no blog, mas que na comu sou só uma voyer, fiquei cocando pra me escrever uma carta… sobre qualquer besteira que fosse…
E se eu fosse o primeiro
A voltar pra mudar o que eu fiz.
Quem então agora eu seria?
foi aí que eu travei.
e foi aí que percebi que todas as grandes merdas da minha vida foram o comeco de alguma coisa.
Ahh tanto faz! E o que não foi não é
se tivesse prestado meu primeiro vestibular pra arquitetura, näo conheceria os bons amigos de hoje. se näo tivesse ficado fodida pelo austríaco, näo estaria na alemanha. se näo tivesse convencido minha mäe a morar na casa apertada da minha avó, näo teria encontrado minhas irmäs… se… se… se…
Ahhh, se o que eu sou é também
o que eu escolhi ser aceito a condição.
e foi aí que eu descobri que “se eu pudesse voltar pra mudar o que eu fiz”… eu faria exatamente igual.
Vou levando assim.
Que o acaso é amigo do meu coração
Quando falo comigo, quando eu sei ouvir…
porque eu gosto do resultado, sabe?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário