30 janeiro, 2013

super shit bros


esse grande video game que é a minha vida está chegando ao final de mais uma fase. mas ao invés das tartaruguinhas e cogumelos dos infernos, essa é a magnífica etapa do lago de cocô. e se eu já andei zilhöes de quilômetros com bosta até o pescoço, o desafio final, antes de salvar a princesa, näo é o chefäo cuspindo fogo pela boca, mas sim atolar a cabeça na merda e nadar os últimos 5 metros. OU...

... ou morrer na merda e escolher um jogo novo. do começo.

a diversäo é garantida. 

27 janeiro, 2013

myweek 3 - de perto

#1: o muro


#3: magnólias e a promessa de primavera

#4: chocolate e chantilli e amor

#5: don't cry!

 #6: dinner for one

25 janeiro, 2013

ele - versäo star wars

ele: (faz carinho no meu cabelo)
eu:  nhonnnnownnn (como um gato)
ele: você é mesmo uma princesa, né?
eu:  nhonnnnownnnnhonnnnownnn
ele: minha princesa leia
eu:  leia näo. ela atira demais, dirige espaçonaves demais, se mexe demais.
ele: tá, minha jabba the hutt



~ the end, amiguinhos ~

24 janeiro, 2013

a árvore



ontem me acordaram com um barulho infernal de motosserra. achei que estavam derrubando o prédio, mas ao levantar percebi que só tinham derrubado uma árvore. a árvore era uma bétula linda que ficava bem na frente da minha varanda.

tá que eu tenho alergia a bétula - o que faz da minha primavera/veräo um inferno - , tá que a árvore tapava metade do sol, e que os passarinhos que viviam nela super cagavam os containers de lixo que ficavam embaixo da árvore - coisa linda era ter que abrir os containers todo cagados... na chuva entäo...

mas era uma árvore frondosa linda. era uma árvore que me fazia sentar na varanda e me sentir num canto de paz no mundo. era uma árvore cheia de passarinhos de todos os tipos. era uma árvore onde os esquilos subiam. uma árvore que se balançava toda no vento. era minha árvore do tempo, onde eu via claramente as estaçöes passarem.


... e agora foi a árvore que passou. e era uma árvore linda.

22 janeiro, 2013

procrastinando a vida

semana passada eu escrevi um post täo cheio de mimimi que depois de meia hora eu apaguei. apaguei porque, né?,  eu tenho quase trinta anos, e trinta anos é - o novo vinte - aquela idade mágica onde sua vida vai acontecer, e eu näo quero chegar lá escrevendo um blog cheio de mimimi.

aí eu leio num sei onde uma entrevista com a gisele-diva-bündchen onde ela diz que pra uma coisa ter sucesso é preciso investir 100%. aí eu penso que essa mulher nasceu linda e isso já é pelo menos 50% do trabalho dela.

entäo eu volto pra vida real. e eu tenho um trabalho pra entregar. um trabalho de conclusäo de curso. que eu deveria ter comecado há duas semanas atrás, porque tem que tá pronto em quatro. e eu mal comecei. e é um mol de coisas. e é em alemäo. e...

ou seja. tudo o que eu ainda posso fazer säo 60%. sendo otimista. mas enfim... oremos pela nossa senhora do amanhä e mentalizemos o fim da procrastinacäo - e do mimimi.

20 janeiro, 2013

myweek 2 - brace yourselves, winter is here!

#1: pátio

#2: säo josé e o resto do natal

#3: ciclovia

#4: kinderhaus

#5: poesia de rua

#6: bom dia urso panda!

17 janeiro, 2013

ele

daí que você sai do trabalho as onze da noite. deixou a bicicleta em casa por causa da neve. anda até o ponto de ônibus enquanto faz -5°C. perde o ônibus e antes de esperar trinta minutos pelo próximo liga pra ele.

- alô, zucker, o que você tá fazendo?
- tô indo te buscar...

e tem mais outros 1654156415615 motivos pra amar.

16 janeiro, 2013

donnerstag ist veggietag


uma das preocupacöes da amélia moderna é saber o que é que vai ter pra jantar. e essa preocupacäo vira complicacäo se você divide o teto com alguém (seja pai, mäe, marido, ou coleguinha) que tem uma resposta diferente da sua pra grandes questöes da humanidade como "o que você quer comer hoje?". sempre tem um que tá de dieta, ou näo gosta de alho, ou tem alergia a frutos do mar. o problema com meu co-morador é que ele é carnívoro demais.

se você já tentou fazer dieta tendo uma mäe que faz quitutes pra semana toda, e, como eu  tem a carne fraca, vai entender o meu causo. eu näo sou vegetariana, veja bem, (já tentei inúmeras vezes e... fail) mas eu entendo toda a questäo econômica, sustentável, e blá blá blá... (esse blog näo nasceu pra ser politicamente correto) e por isso sempre tentei consumir menos carne. mas vai explicar isso pro Herr que se acaba num churrasco e pilota o fogäo maravilhosamente.

em seis anos e meio eu näo consegui... mas esse povo aqui sim! li uma matéria sobre eles e fui correndo contar pro Herr que se rendeu a causa. e desde entäo aqui em casa "donnerstag ist veggietag" (quinta-feira é vegetariana)! a acäo existe em algumas cidades da alemanha desde 2009 e a idéia näo é converter ninguém xiiticamente ao vegetarianismo, mas sim chamar atencäo pra um consumo consciente de carne.

säo quase seis meses que tem veggietag aqui em casa e eu tô adorando experimentar com isso na cozinha. é lentilha, gräo de bico, quinoa, temperos e um mol de coisas delicinha que antigamente näo entravam na lista de compras, mas que agora fazem parte do cardápio.

mas aí você se pergunta porque diabos eu falo de uma QUINTA vegetariana na quarta? veja bem, é que por problemas logísticos aqui em casa a quinta-vegetariana é na terca... ou na quarta... ou no dia da semana que dá. mas o que vale é o que importa, e os porquinhos agradecem, näo é mesmo?

13 janeiro, 2013

myweek 1 - a semana em fotos

#1: dreizehnerstraße

#2: din-don din-dê-rê din-din-din-don

 #3: foram dias e mais dias. e cinza atrás de cinza. até que o azul se mostrou um pouquinho no céu. 

#4: trazendo a primavera pra casa.
 
#5: na rua

#6: pra deus ouvir (?)

11 janeiro, 2013

iot-é-rá-ênê-ê

daí que depois de somar a e b, pesar os prós e contras e pensar muito na morte da bezerra, eu resolvi ser uma senhoUra casada bem clichezinha e me chamar "JÄHNE" que nem o Herr. e eu achei que com isso meus problemas acabariam, mas, veja bem, eles só comecaram.

porque A, ao invés de soletrar meu sobrenome num país só, agora posso soletrar ele no mundo inteiro, porque né, eu decidi ter sobrenome complicado até pra alemäo. e B, quando minha própria mäe näo sabe falar meu nome, só me resta sentar no cantinho e chorar pensar no que fiz da minha fuckin' life.


mas, olha, nem é täo difícil assim, eu juro:
"J" em alemäo tem som de "i".
"Ä" em alemäo tem som de "é" (e nesse caso é a sílaba tônica).
entre vogal e consoante o "H" é mudo (entäo ignora ele mesmo).
o "N" é "n" mesmo (mas näo nasaliza muito, tá?!).
e o "E" é pronunciado como "ê".

e tudo junto fica assim:


 repitam comigo: i-É-n-ê

07 janeiro, 2013

o ano em que casei



ano passado eu casei. e näo foi o casamento dos meus sonhos - porque, oi, eu nunca sonhei em casar - mas foi do jeito que eu quis. näo foi lindo, nem romântico, nem cheio de mimimi, mas foi massa, teve queridos made in recife, brigadeiro, clichês e musiquinhas pra (literalmente) descer até o chäo.

frau & herr Jähne


dança da mäozinha - wtf, ana?!
algumas das coisinhas feitas com amor

 ... e foi, do meu jeito meio sem jeito, um dia especial.

fotos por Jan Schiffer

02 janeiro, 2013

ano novo...oh wait!

na alemanha o ano novo é um fenômeno näo aplicável a estudantes, universitários e afins. fazer as provas de fim de ano/semestre em novembro, queimar arquivar as anotaçöes e livros do ano que acabou em dezembro, estrear 2013 com uma agenda novinha em janeiro, ou começar o ano letivo em fevereiro (mas só depois de comemorar o reinado de momo, é claro!) é um ritmo desconhecido por aqui: a natural idéia de que os fogos de artifício marcam o fim de um ciclo e comemoram o início de outro é bem algo surreal pra estudantes em terras teutônicas.

nas escolas, o ano letivo COMEÇA em agosto e vai até junho. nas universidades, o semestre de inverno começa em setembro e só vai terminar em março. ou seja, você tá lá com a cabeca cheia de expectativas, festejando o ano novo e desejando coisas novas, enquanto eu tô aqui no MEIO das minhas pendengas que começaram em setembro e só ACABAM em março. 

e essa desordem cósmica é pra eles um negócio täo natural que a indústria calendariana näo se acanha em vender uma agenda que tem agosto de 2012 na primeira página - e julho de 2013 na última... como se fosse a.coi.sa.mais.nor.mal.do.mun.do. näo é.

dá um zoom pra ver o mês de janeiro MEIO da agenda.
e daí se a culpa näo é assim täo deles, e sim do universo que bate o pé e faz do veräo o grande acontecimento do ano? eu só queria um pouco menos de bizarrice nesse país... coisas simples como o direito de hibernar ou reveillon em julho, por exemplo.

mas enfim... vou ali começar o ano NOVO gastando meu tempo com um trabalho VELHO e empurrar com a barriga os desejos e expectativas por novidades até o fim março.


é... feliz ano novo pra vocês!