23 outubro, 2014

t-shirt


ele: você fica muito sexy nessa camiseta.
ela: essa camiseta que eu comprei na SEÇÄO INFANTIL da H&M? o.O

20 outubro, 2014

a saga da carteira

nossa história começa em recife, treze anos atrás, em 2001 quando ao fazer 18 anos eu respondi "cachorro" à pergunta da minha tia querida que quis saber o que me dar de presente de maioridade: carteira de motorista ou cachorro.

luna, mamäe te ama
2009, oito anos depois, já na alemanha, eu decidi tomar vergonha na cara e tirar minha carteira de motorista. como tudo em euro é mais caro, achei que era uma boa idéia fazer isso no brasil. e vinte aulas depois fiz a prova de direçäo e, ó, em quinze minutos eu tinha minha carteira.

auto-escola em recife. quase assim
voltei pra alemanha no outro dia, com uma carteira de motorista, MAS sem saber dirigir... porque né!? ter aulas de direçäo num ESTACIONAMENTO e fazer a prova no PÀTIO do detran-pe, apenas me deixaram mega insegura... no trânsito. resultado: näo peguei mais no carro.

minha relaçäo com o volalnte
aí ano passado, no meio da minha crise pré-trinta, eu decidi tomar vergonha na cara e aprender a dirigir. com minha carteira internacional já sem validade, resolvi converter a carteira brasileira, numa alemä. e o que deveria ser simples, rápido e barato - já que com uma carteira válida em mäos eu só precisaria, teoricamente, fazer as provas - se transformou num longo calvário. porque ó: recife näo me ensinou a dirigir; recife me deixou com trauma de trânsito; ter "trintado" (expressäo gentilmente roubada da lívia) cagou com aquela capacidade de aprender tudo muito rápido e muito tranquilamente dos 18; além do que, tem gente - eu - que näo leva mesmo jeito pra coisa.

mais de um ano de drama auto-escola em münster
mas eu sou brasileira e pensei em desistir váááárias vezes  näo desisto nunca e tchâ-rammmmm: desde sexta-feira eu tenho uma carteira de motorista E sei dirigir...

dancinha de comemoraçäo, bitch!
... o que leva a saga - e esse texto - finalmente ao fim:

só precisei de apenas 15 meses, de apenas zilhöes de horas de auto-escola,
e de apenas alguns zilhöes de euros.

15 outubro, 2014

... with the good ones on my shoulder

mantra da semana:


When I'm counting up my demons 
Saw there was one for every day...

13 outubro, 2014

myweek(end) 12 - baumberg num domingo de sol

... porque programa de índio mesmo é ficar no sofá com um dia lindo desses lá fora!

#1: vou passear na floresta, enquanto...

#2: trilha

#3: outubro dourado

#4: girassóis

#5: do alto da "montanha"

#6: hello, sunshine!

10 outubro, 2014

eu blogo, tu blogas

 

outro dia entrei num blog que eu já nem me lembro mais e ali, no canto direito, junto com a foto do perfil, tinha escrito bem grande "11 anos de blog". aí eu pensei nisso aqui, e percebi que depois de tanto escrever eu já näo fazia a menor idéia de quando começou.

fui fuçar e descobri que o primeiro post oficial do i'm talking with myself foi setembro de 2009. os arquivos do blog porém datam de dezembro de 2008, quando o blog ainda respondia por meio bossa nova meio rock and roll. mas se você for lá e esmiuçar dezembro, vai ver que a blogagem vai bater no finado fabuloso destino, lá em maio de 2006.

e a coisa näo pára por aí, apenas näo há dados que comprovem. mas se näo me falha a memória, já antes dele havia o entrelinhas, e antes dele, bem... antes dele havia uma longa linhagem de blogs autistas e suicidadas que começa junto com o advento da internet na minha vida e eu devo dizer que isso é lá por meados de 1998, aos 14 ou 15 anos...

e esse momento túnel do tempo veio bem a calhar já que nely, do sei lá, mil coisas me indicou pra responder a cinco perguntas sobre o blog:

1. Por que você decidiu criar o blog?
a questäo é: qual deles? eu sempre gostei de escrever, e sempre escrevi em diários. e foi por pura curiosidade que troquei o papel pelo teclado. hoje eu escrevo porque... eu escrevo.

2. Seus propósitos com o blog mudaram desde a criação do mesmo?
mudaram. e aí eu mudei de blog. e fiz isso sei lá quantas vezes até que há cinco anos cheguei aqui... e parece que dessa vez eu fico.

3. Você já encontrou pessoalmente alguém que conheceu exclusivamente através do blog?
sim... umas poucas, mas há tantas outras que eu queria encontrar!

4. Qual o post mais acessado e/ou comentado do blog? Por que você acha que ele teve "destaque"?
o mais acessado é o laubbläser dos infernos. um post que retrada bem um causo do dia-a-dia desse povo pitoresco com o qual eu decidi viver. e todo mundo adora pitorescidade.

5. Você já recebeu algum comentário negativo e/ou ofensivo? Se sim, você o publicou?
olha já teve gente fazendo propaganda. já teve pastor pregando a palavra do senhor. já teve gente perdida querendo informaçäo de sei lá o quê, que näo tinha nada a ver. mas falar mal ninguém chegou ainda aqui falando, näo...

...

e eu vou quebrar a corrente (só espero que näo dê sete anos de alguma zica, né?) e näo indicar diretamente ninguém, mas... talvez você aí se anima, "veste a carapuça", e responde também... hein?!

08 outubro, 2014

bodas de algodão

06.10.14 ... de algodão-doce!

p.s.: as de papel aqui

07 outubro, 2014

algarve, portugal

aljezur

foi uma semana de portugal, e foi uma semana de cheiro de mar, e de pastel de nata, e de fachadas coloniais, e de areia de praia, e de café com leite, e de mosaicos no pavimento, e de botecos na estrada, e de muito sol, e de português, e de gosto de fruta, e de saudades.

portugal é o mais perto daquilo que eu costumava chamar de lar... 

pegando o último solzinho do ano

tanto mar... tanto mar

e uma semaninha mais eu eu já estaria falando "pá", e trocando o canto do sabiá pela algazarra das gaivotas, e chamando chopp de "imperial", e conjugando bonitinho tu, achando que vinho é água, e... já näo voltava mais!

albufeira, cidade velha
 
sabedoria portuguesa

monte da casteja

tem mais fotos no picasa, pá!

01 outubro, 2014

mix number Two

sim, vai ter mix todo mês... \o/ e o desse mês é pra ouvir na estrada em terras de Camöes. porque eu fui-me embora pra pasárgada portugal. e enquanto você tá aqui, lendo essas linhas, eu tô ali, pegando os últimos raios de sol do ano. mas assim como você (se der play), eu vou tá ouvindo uma musiquinha...


#1 Tanto Mar - Chico Buarque
#2 Irene - Rodrigo Amarante
#3 Bella - Phill Veras
#4 Dimokransa -Mayra Andrade
#5 Vagalumes Cegos - Cícero
#6 Condicional - Los Hermanos
#7 Só sei dançar com você - Tulipa Ruiz
#8 Xico - Luisa Sobral