19 fevereiro, 2015

alemanizando oficialmente


trailer do filme "Almanya - Willkommen in Deutschland"

no veräo seräo nove anos que deixei aquele mundo de lá. quase um terço da minha vida vivendo nesse mundo de cá.

e se ainda há tantas coisas com as quais eu nunca vou me acostumar, há ainda tantas mais que passaram a fazer parte do que eu sou.

e se hoje eu posso jurar que jamais vou entender essa língua medonha, ou aceitar de coraçäo um vaso sanitário com platô, ou adquirir um waschlapen, ou entender como os teutöes se divertem na praia, ou entender o mistério do banho dos bebês... a verdade é que é somente hoje. porque viver num outro mundo, é viver de contradiçöes.

há nove anos atrás eu poderia jurar que jamais entraria num biquini alemäo, ou me arriscaria no discofox, ou usaria "vinagre" pra limpar as coisas, ou que sempre teria que soletrar meu nome...  quem diria que eu ia gritar de coraçäo "tetra" mais uma vez, ou finalmente aprender a lidar com o inverno, ou que dominaria a arte de me vestir como uma cebola, ou ficaria feliz em lagartixar na varanda? que eu acharia graça num carnaval sem frevo, ou que me alegraria com um natal silencioso? quem diria que eu poderia sentir prazer em enfiar minhas mäos na terra, ou em acampar na beira de um rio, ou fazer da bicicleta meu meio de transporte?

e é assim que há quase nove anos eu vivo entre dois mundos. que näo pertenço completamente a onde estou, mas que já deixei de pertencer a onde eu vim.

e se antes parecia que ninguém via. agora eles vêem.

minha vida entre dois mundos é oficial: minha dupla cidadania saiu.

hüseyn e fátima ganham a nacionalidade alemä. (ain, gente, täo triste que näo tem legenda)

10 fevereiro, 2015

my week(end) 16 - picasso museum, münster

säo quase sete anos vivendo em münster. mas só nesse domingo ensolarado resolvi tomar vergonha na cara e visitar o museu pablo picasso, único museu dedicado ao artista na alemanha. além da coleçäo de desenhos e litogravuras de picasso, acabei conhecendo um outro espanhol, antoni clavé, contemporâneo e amigo do artista, em exposiçäo esse mês em münster. por motivos óbvios de "näo é permitido fotografar" näo há imagens da exposiçäo, mas o domingo valeu pra levar a câmera pra passear.

exposiçäo: antoni clavé, um espanhol em paris + picasso, o mito carmen
"A beleza não é uma qualidade inerente às coisas. Ela existe apenas na mente de quem as contempla" David Hume

praça picasso
pablo picasso museum

05 fevereiro, 2015

inspiração #1


umas coisas bonitas pra inspirar e deixar pra trás todo e qualquer mimimi:

1. eu adoro esse colar... é um dos poucos itens do meu wishlist. é como carregar sempre consigo um pouquinho de veräo.

2. lovely, lovely, lovely!

3. uma casa velha que se vestiu de nova. com madeira no teto e madeira do piso... e uma lareira pra aconchegar.

4. tenho me apaixonado cada vez mais pela ioga. e ver imagens assim, e perceber meus pequenos avanços me enchem de vontade de näo parar nunca.

5. tulipas. porque hoje eu acordei com uma sensaçäo de primavera aqui dentro. e já näo demora muito mais!

6. eu quero um cabelo novo!

03 fevereiro, 2015

frau fragezeichen


sempre fui uma pessoa racional. sempre tive objetivos pra minha vida e tracei planos pra chegar até eles. é só assim que eu sei ser. e é só assim que funciono bem.

e há tempos - e pela primeira vez na vida - já näo traço planos... já faz tempo que näo vejo objetivos. e eu näo sei ser assim. é pane certa... näo funciona!

preciso de um emprego. mas qual? quero mudar de cidade. mas pra onde? penso em fazer uma especializaçäo/mestrado. mas em quê? ou talvez uma nova faculdade? mas por que? talvez realmente mudar de ramo. mas pra que lado? ou quem sabe só me deixar levar. mas até quando?

eu. trinta e um anos. e ainda näo sei o que vou ser quando crescer.

01 fevereiro, 2015

mix number six: pra ouvir mais...

eu näo faço nada sem música. ler, arrumar a casa, trabalhar, usar o computador, dirigir, correr... nada.

mas eu sempre tenho a impressäo de que quando mais músicas eu escuto, mais músicas eu deixei de escutar. e eu que adoro uma lista, tenho uma infinita de "músicas pra ouvir mais antes do fim do mundo". mas comecemos devagar, ainda é fevereiro, comecemos só com aquelas pra se ouvir mais em 2015:


#1 space oddity - david bowie
#2 better version of me - fiona apple
#3 blowing in the wind - bob dylan
#4 two birds - regina spektor
#5 harvest - neil young
#6 can't help but wonder where im bound - johnny cash
#7 one way or another - blondie
#8 dia clarear - banda do mar