06 julho, 2019

my week(end) 29: caetano (mara)veloso em munique

#1: caetano e outros velosos. pode ser que caiu uma lagriminha quando ele cantou que
"moramos na melhor cidade da américa do sul"

mas ana, vai ter um "my week(end)" texto depois do outro? vai. por motivos de que é final de ano letivo e eu, educadora-slash-estudante, tô só o pózinho. e enquanto näo chegam as férias de veräo, eu tô vivendo pra isso.

entäo que eu fui pra munique realizar desejo antigo. ver caetano veloso.

#2: rio Isar. aproveitando o veräo à moda de munique

#3: weideinsel. porque ultimamente eu evito as cidades grandes mesmo nas cidades grandes

peguei o trem na sexta depois das aulas e deveria chegar em munique pouco depois da meia-noite. mas sabe todas aquelas coisas que você ouviu - imagine que você ouviu - sobre a pontualidade dos trens alemäes? é mentira, meus amigos. o trem atrasou e eu perdi a minha conexäo - e näo foi perder a conexäo de qualquer jeito. foi chegar na estaçäo em que eu deveria pegar o próximo trem pra vê-lo partindo poucos milisegundos depois do meu trem abrir as portas, mesmo depois dos maquinistas dos dois trens terem se comunicado pra explicar do atraso. e sabe mais aquelas coisas que você ouviu - imagine que você ouviu -  sobre o sistema de trens ser massa, a malha ferroviária densa e muitas opçöes de trajetos? é mentira também, meus amigos. além de perder minha conexäo, näo tinha mais trem pra munique.

mas. depois de passar os últimos 45 minutos da viagem amaldiçoando todas as geraçöes futuras de todos os trabalhadores da porra do 'die bahn' - a companhia de trem alemä - e ensaiar a baiana que eu iria rodar na estaçäo por ter que pernoitar por lá, o trabalhador simpático da central de informaçöes me jogou um balde de água fria. porque sabe aquelas coisas que a gente pensa que atendimento ao cliente de grandes empresas é uma bosta? pois é. nem sempre é assim. a 'die bahn' pagou a pernoite num hotel próximo a estaçäo. eu fiquei pianinho por motivos de que em munique eu tinha reservado um hostel xexelento, - que depois descobri ser mais xexelento do que as fotos - com banheiro compartilhado e sem café-da-manhä. e a pernoite em stuttgart foi numa suíte 4 estrelas com champanhe no café da manhä. ou seja. num vou reclamar, né?!

#4 nußbaumpark. biergarten nr. 1. muito fofo.

#5 parque. a caminho do biergarten nr. 2.

peguei o trem pra munique no outro dia de manhä e aproveitei pra aproveitar um pouquinho da cidade de um jeito mais tranquilo: fui matar o calor nas águas frias do isar e depois refrescar num - na verdade em dois - dos muitos 'biergarten' da cidade. 

e caetano? foi MUITO maravilhoso.

(a volta pra casa foi mais uma peleja: 10h de ônibus entre cochilos e tédio e olhar pela janela. mas faria tudinho de novo. porque desejo antigo é assim.)

6 comentários:

  1. Já vi Caetano ao vivo e amei!
    Quanto ao comboio, acho que aqui na Holanda te mandavam pernoitar na estação mesmo ahaha

    ResponderExcluir
  2. Caetano <3 E suite 4 estrelas com champagne de graça <3 <3 hahaha

    ResponderExcluir
  3. hahahah meu deus, eu tô é morta com esse post! Sabe, quando a gente fala que as coisas ruins acontecem para que melhores venham? Acho que essa situação ilustra muito bem isso :P o negócio é pensar dessa forma, caso contrário enlouquecemos com o cotidiano né rs.

    https://gabiramalho.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e eu contando com o pior, ó... com 2 quentes e 1 fervendo.

      Excluir